INFORMATIVOS 2013.


Informativos 2020 Informativos 2019 Informativos 2018 Informativos 2017
Informativos 2016 Informativos 2015 Informativos 2014 Informativos 2013

Empregados que a ASEN em conjunto com o SINAERJ, solicitou um posicionamento da empresa referente à harmonização do PCR.

Prezados empregados da Eletronuclear estamos postando carta do DNT.

Informações dada pelo TST sobre o plano de saúde para os aposentados da Caixa que aderiram ao PDV.

ASEN esta apoiando junto a Após Furnas o abaixo assinado ref. Ao plano de saúde dos Aposentados.

Nós, abaixo assinados, ativos e assistidos do sistema ELETROBRAS – FURNAS, requeremos da Diretoria Executiva e do Conselho de Administração das Centrais Elétricas Brasileiras S.A. – ELETROBRAS, do Exmo. Sr. Ministro da Minas e Energia, Edson Lobão, e da Exma. Sra. Presidente da República Dilma Rousseff, celeridade no processo de aprovação e implantação do programa de Apoio Médico aos Aposentados e Pensionistas das empresas do sistema Eletrobras – AMAP.

No momento em que o governo se propõe a transformar a Eletrobras numa empresa da magnitude da Petrobras e do BNDES, nada mais justo, sob as óticas - social e empresarial, que os aposentados e pensionistas das empresas Eletrobras tenham benefícios semelhantes aos ativos daquelas empresas. O programa AMAP, amplamente divulgado vem de encontro da necessidade de milhares de profissionais aposentados, de suas pensionistas e dependentes em todo Brasil, que passam por sérias dificuldades no custeio de atendimento médico e hospitalar, comprometendo a qualidade de vida conquistada após anos de vida dedicados às empresas. Apesar de estudado a muitos anos, e a essa altura já dispor de uma modelagem pronta, o projeto ainda não foi implantado, enchendo de expectativa e frustração os assistidos e também os empregados ativos, que só esperam por essa definição para, enfim, desfrutarem da merecida aposentadoria. Sendo assim solicitamos aos senhores que envidem os esforços necessários para aprovar e implantar o projeto AMAP já a partir do início de 2012.

Para a sua assinatura, existem as seguintes alternativas:

1- Via internet

1.1 - Entrar no site www.peticaopublica.com.br (peticao sem o cedilha -"peticao" e "publica" sem acento). Clicar em "Abaixo-Assinados Atuais", que fica do lado superior esquerdo da tela.

1.2- Ao abrir a tela, na parte superior, à direita, há um retângulo e ao lado a palavra "Pesquisar". Colocar no retângulo: "Presidente da Eletrobras" e clicar em "Pesquisar".

1.3- Abrirá uma tela onde constará, na primeira linha: "Abaixo-assinado Plano de Saúde do Sistema". Clicar aí.

1.4- Ao abrir a nova página, clicar em "ASSINAR este abaixo-assinado".

1.5- Abrirá uma nova tela. Preencher os retângulos. Onde está escrito "Nome do Fundo de Pensão (REAL GRANDEZA) e nº inscrição (Matrícula de Furnas, Eletronuclear ou FRG)"

1.6- No final, onde está escrito "Privacidade do endereço de e-mail", assinalar "Disponível para o Autor do Abaixo-assinado".

1.7- Não é necessário assinalar onde diz: "Não me importo que o Petição Pública Brasil me contate para campanhas ou abaixo-assinados do mesmo gênero".

1.8- Clicar em "Assinar abaixo-assinado".

2- Assinar na APÓS-FURNAS

2.1- Comparecer na Rua Real Grandeza, 219 anexo 202, Botafogo – RJ, para assinar a lista física que está disponível na recepção de 9:00 às 16:30 horas.

3- Junto aos representantes regionais da APÓS-FURNAS

3.1- Caso você more fora do Rio e não use computador, entre em contato com seu representante regional.

Falecimento do associado e amigo Alceu Santanna da Silva

Comunicamos o falecimento do associado e amigo Alceu Santanna da Silva, ocorrido neste final de semana. O sepultamento foi ontem na cidade de Volta Redonda. A Associação transmite os pesares à família. A Diretoria - Associação dos Empregados da Eletronuclear ASEN nossa luta, sua conquista!

Regulamento e o cronograma para inscrições de chapas para participarem do Conselho de Curadores da FEAM.

COMUNICADO

Senhores empregados,

Estamos divulgando o regulamento e o cronograma para inscrições de chapas para participarem do Conselho de Curadores da FEAM. (Uma Dupla: Titular e Suplente).

ELEIÇÃO FEAM - BIÊNIO 2012/2014 - FUNDAÇÃO ELETRONUCLEAR DE ASSISTÊNCIA MÉDICA REGULAMENTO DA ELEIÇÃO DOS REPRESENTANTES DOS EMPREGADOS NO CONSELHO CURADOR DA FEAM

1- ELEIÇÃO

1.1 Data da eleição- 17/04 e 18/04/2012

1.2 Locais e horários da votação – Na sede da empresa no Rio de Janeiro, a eleição terá início às 08:30 h, pausa para almoço da 12:00 às 13:00 h, reinício às 13:00 h e término às 16:30 h. O local único de votação será no 2º andar da sede, próximo ao posto do Banco do Brasil. Serão necessários 01 (um) mesário e 01 (um) presidente da comissão eleitoral.

Em Angra dos Reis, a votação terá início às 08:30 h, os mesários almoçarão nos locais de votação das 12:00 às 13:00h, reinício às 13:00h e termino às 16:30h. O local de votação será na entrada do prédio da Superintendência de Infraestrutura SI.A (antiga GAR.A) e uma urna itinerante (Ponta Fina, EB.T, Praia Brava e Mambucaba). Serão necessários 02 (dois) mesários e 01 (um) presidente da comissão eleitoral. Em Angra a ASEN deverá disponibilizar um veículo para atender a comissão eleitoral, transportando os mesários aos locais de votação, transportando alimentação para os mesmos, recolhendo-os para a apuração na sala da ASEN em Itaorna e, concluindo todo o processo conduzindo-os às suas residências. O veículo ficará sob a responsabilidade do presidente da Comissão Eleitoral.

OBS. – A ASEN e o STIEPAR indicaram os membros da comissão eleitoral no Rio e em Angra, liberando-os no dia da votação e das 15:50 às 17:00h do dia anterior ao pleito, quando se reunirão com a diretoria da ASEN no Rio e em Angra para receberem as instruções e o material da votação, sem nenhum prejuízo funcional ou salarial para os mesmos.

1.3 Cada local de votação terá um ou dois mesários membros da comissão eleitoral que acompanharão o pleito sob a supervisão dos presidentes das comissões eleitorais (Rio e Angra) e serão os responsáveis pelos procedimentos de identificação dos votantes, controle da votação e elaboração da ata de eleição anexa. Encerrando o pleito, terão início as apurações dos resultados da votação no Rio (na sede da ASEN) e em Angra (sala da ASEN prédio da administração) com a respectiva emissão da ata de apuração geral do pleito (anexa).

1.4 O processo eleitoral das votações deverá atender as exigências do escrutínio direto e secreto, não sendo permitido o voto por procuração.

1.5 Será considerada eleita a chapa que obtiver a maioria de votos válidos (descontados os votos em branco e os votos nulos)

1.6 Condições para os eleitores- Ser empregado da Eletronuclear, possuir e portar identificação profissional (carteira de trabalho ou crachá da ETN) para apresentar no ato da votação e assinar a lista de ralação dos votantes no ato da votação, fornecida pelo representante da comissão eleitoral (mesário).

1.7 OBS. – A empresa deverá fornecer para a ASEN com 02 (dois) dias de antecedência ao pleito, 03 (três) listagens atualizadas contendo os nomes dos empregados, U.O e espaço para rubrica, devendo 01 (uma) lista ser entregue aos diretores do Rio e 02 (duas) listas serem entregues aos diretores em Angra.

2 – CANDIDATOS / CHAPAS

2.1 - Período para inscrição das chapas – 30/03/2012 a 05/04/2012

2.2 – Locais de inscrição das chapas – No Rio, na sede da ASEN à Rua Teófilo Otoni 52/708 e em Angra na sala da ASEN no prédio da Administração.

2.3 - Método para inscrição das chapas – Serão feitos através de carta endereçada a ASEN, comunicando a composição da chapa (nome do conselheiro efetivo e seu suplente), matrículas, U.O.s, ramais, solicitando a inscrição e finalizar datando e com as respectivas assinaturas. As chapas receberão números de inscrição de acordo com a ordem das solicitações e estes, assim como os “Nomes fantasias” adotados pelas chapas que assim desejarem, serão usados na votação. A secretaria da ASEN devolverá a cada chapa uma cópia da solicitação de inscrição devidamente protocolada e informará o número da chapa. Na data do pleito a ASEN providenciará uma listagem com o numero de cada chapa e nome dos respectivos componentes que acompanharão cada urna para orientação dos eleitores.

2.4 Da propaganda eleitoral – Da data de inscrição até a data da eleição, cada chapa, se o desejar, poderá fazer a sua propaganda eleitoral às próprias expensas, no ambiente de trabalho sem prejudicar o bom andamento dos serviços.

3 – COMISSÃO ELEITORAL

A Comissão Eleitoral será composta no Rio por (um) presidente e 01 (um) mesário e em Angra por 01 (um) presidente e 02 (dois) mesários, responsáveis pelo acompanhamento, controle e apuração do pleito. Ambas as comissões serão formadas por empregados da ETN, indicados e liberados pela ASEN e STIEPAR.

Associação dos Empregados da Eletronuclear



ELEIÇÃO FEAM - BIÊNIO 2012/2014

1- Cada Chapa será composta de 01 (hum) Membro Titular e 01 (um) Membro Suplente;
2- Os Candidatos deverão pertencer ao quadro funcional da Eletronuclear;
3- Os cargos não são remunerados.

CRONOGRAMA PARA ELEIÇÃO FEAM

INSCRIÇÃO DE CHAPAS – 
Através de solicitação escrita contendo: Nome, Matrícula, U.O., Ramal e Assinatura de cada componente, a ser entregue na ASEN Rio – Rua Teófilo Otoni, 52 – Sala 708 – Centro ou ASEN Angra – Sala A 14 do prédio da Administração (antiga GAR.A)

DATA DA INSCRIÇÃO – 30/03 A 05/04/12

DATA DA ELEIÇÃO – 17 E 18/04/12

REGULAMENTO DAS ELEIÇÕES - As Chapas inscritas receberão o Regulamento da Eleição no ato do registro das mesmas.

A DIRETORIA COLEGIADA


Comunicado recebido pela ASEN do Sr.Paulo Perez em razão da argumentação do Presidente do Conselho da FEAM,

COMUNICADO

Prezados associados,

Tendo em vista comunicado recebido pela ASEN do Sr.Paulo Perez em razão da argumentação do Presidente do Conselho da FEAM, fica suspenso o calendário eleitoral divulgado pela ASEN no informativo do dia 29/03/12, até a constituição de nova comissão eleitoral , respeitando o artigo 13 do Estatuto da FEAM, onde se determina que a comissão eleitoral deva ser formada por um membro do Sindicato Majoritário (STIEPAR), da ASEN e da própria FEAM.

Gostaríamos de ressalvar que, nossa iniciativa deu-se com a concordância da Eletronuclear e entidades envolvidas, esta instituição sempre trilhará os caminhos da retidão, em respeito a seus associados e a Eletronuclear.

A Diretoria

Associação dos Empregados da Eletronuclear
ASEN nossa luta, sua conquista!

Ficam convocados, pelo edital em anexo, publicados pelo Jornal A CIDADE em Angra dos Reis e pelo Jornal POVO.

   Ficam convocados, pelo edital em anexo, publicados pelo Jornal A CIDADE em Angra dos Reis e pelo Jornal POVO na cidade do Rio de Janeiro, do dia 30 de março, para comparecerem à Assembleia Geral Ordinária e Extraordinária a se realizar amanhã, dia 12/04/2012, às 13:00h, no Auditório da Sede da ELETRONUCLEAR e no dia 13/04/2012, às 14:00h no Refeitório – ALA C de Itaorna em Angra dos Reis.

   A Diretoria

  Associação dos Empregados da Eletronuclear
ASEN nossa luta, sua conquista!

VEJA AQUI em PDF

Doação de Sangue - A pedidos do Nosso colega de trabalho Sr. José Luiz.

A pedido do Nosso colega de trabalho Sr. José Luiz que no momento está precisando de nossa solidariedade e amizade.

Divulgue à pessoas amigas!

Caros colegas da ASEN,

"Estou com a minha sogra no CTI do Hospital PRO-SAÚDE, em Bangu - RJ, precisando da nossa ajuda, ela possui uma doença muito grave no fígado e está consumindo muitas plaquetas sanguíneas do estoque do hospital. Para que possamos continuar com esperanças de suprir esta necessidade emergencial dela, estou pedindo encarecidamente que possamos usar este canal de comunicação da lista de e-mails dos funcionários que a ASEN possui."

Segue abaixo os dados necessários para que a ajuda chegue até ela:

Estamos precisando de doadores de sangue do tipo (O) ou (A) .

Local: HEMOLAD
Rua Francisco Real, 974 – Padre Miguel ( rua de fácil acesso perto de Bangu)
2ª a 6ª feira – 7:30 às 16:00
Sábado: 8:00 às 12:00

Informar o nome para quem está doando: JOSEJA OSITA DE AGUIAR RODRIGUES – HOSPITAL PRO-SAÚDE
Quem puder fazer este gesto de solidariedade fico muito grato. 
Muito obrigado desde já por esta ajuda!

Informações:
José Luiz Barranco B. de Souza
Superintendência de Manutenção - SM.O
55 24-3362 8653 | fax 55 24 3362 9630
[email protected]

VEJA AQUI em PDF
VEJA AQUI em PDF

Eleição FEAM - Biênio 2012/2014.

COMUNICADO

MAIS INFORMAÇÕES AQUI

Senhores empregados,

Estamos divulgando o regulamento e o cronograma para inscrições de chapas para participarem do Conselho de Curadores da FEAM. (Uma Dupla: Titular e Suplente).

ELEIÇÃO FEAM - BIÊNIO 2012/2014

FUNDAÇÃO ELETRONUCLEAR DE ASSISTÊNCIA MÉDICA

REGULAMENTO DA ELEIÇÃO DOS REPRESENTANTES DOS EMPREGADOS NO CONSELHO CURADOR DA FEAM

1- ELEIÇÃO

1.1 Data da eleição - 17/04 e 18/04/2012

1.2 Locais e horários da votação – Na sede da empresa no Rio de Janeiro, a eleição terá início às 08:30 h, pausa para almoço da 12:00 às 13:00 h, reinício às 13:00 h e término às 16:30 h. O local único de votação será no 2º andar da sede, próximo ao posto do Banco do Brasil. Serão necessários 01 (um) mesário e 01 (um) presidente da comissão eleitoral.

Em Angra dos Reis, a votação terá início às 08:30h, os mesários almoçarão nos locais de votação das 12:00 às 13:00h, reinício às 13:00h e termino às 16:30h. O local de votação será na entrada do prédio da Superintendência de Infraestrutura SI.A (antiga GAR.A) e uma urna itinerante (Ponta Fina, EB.T, Praia Brava e Mambucaba). Serão necessários 02 (dois) mesários e 01 (um) presidente da comissão eleitoral. Em Angra a ASEN deverá disponibilizar um veículo para atender a comissão eleitoral, transportando os mesários aos locais de votação, transportando alimentação para os mesmos, recolhendo-os para a apuração na sala da ASEN em Itaorna e, concluindo todo o processo conduzindo-os às suas residências. O veículo ficará sob a responsabilidade do presidente da Comissão Eleitoral.

OBS. – A ASEN e o STIEPAR indicaram os membros da comissão eleitoral no Rio e em Angra, liberando-os no dia da votação e das 15:50 às 17:00h do dia anterior ao pleito, quando se reunirão com a diretoria da ASEN no Rio e em Angra para receberem as instruções e o material da votação, sem nenhum prejuízo funcional ou salarial para os mesmos.

1.3 Cada local de votação terá um ou dois mesários membros da comissão eleitoral que acompanharão o pleito sob a supervisão dos presidentes das comissões eleitorais (Rio e Angra) e serão os responsáveis pelos procedimentos de identificação dos votantes, controle da votação e elaboração da ata de eleição anexa. Encerrando o pleito, terão início as apurações dos resultados da votação no Rio (na sede da ASEN) e em Angra (sala da ASEN prédio da administração) com a respectiva emissão da ata de apuração geral do pleito (anexa).

1.4 O processo eleitoral das votações deverá atender as exigências do escrutínio direto e secreto, não sendo permitido o voto por procuração.

1.5 Será considerada eleita a chapa que obtiver a maioria de votos válidos (descontados os votos em branco e os votos nulos)

1.6 Condições para os eleitores- Ser empregado da Eletronuclear, possuir e portar identificação profissional (carteira de trabalho ou crachá da ETN) para apresentar no ato da votação e assinar a lista de ralação dos votantes no ato da votação, fornecida pelo representante da comissão eleitoral (mesário).

1.7 OBS. – A empresa deverá fornecer para a ASEN com 02 (dois) dias de antecedência ao pleito, 03 (três) listagens atualizadas contendo os nomes dos empregados, U.O e espaço para rubrica, devendo 01 (uma) lista ser entregue aos diretores do Rio e 02 (duas) listas serem entregues aos diretores em Angra.

2 – CANDIDATOS / CHAPAS

2.1 - Período para inscrição das chapas – 30/03/2012 a 05/04/2012

2.2 – Locais de inscrição das chapas – No Rio, na sede da ASEN à Rua Teófilo Otoni 52/708 e em Angra na sala da ASEN no prédio da Administração.

2.3 - Método para inscrição das chapas – Serão feitos através de carta endereçada a ASEN, comunicando a composição da chapa (nome do conselheiro efetivo e seu suplente), matrículas, U.O.s, ramais, solicitando a inscrição e finalizar datando e com as respectivas assinaturas. As chapas receberão números de inscrição de acordo com a ordem das solicitações e estes, assim como os “Nomes fantasias” adotados pelas chapas que assim desejarem, serão usados na votação. A secretaria da ASEN devolverá a cada chapa uma cópia da solicitação de inscrição devidamente protocolada e informará o número da chapa. Na data do pleito a ASEN providenciará uma listagem com o numero de cada chapa e nome dos respectivos componentes que acompanharão cada urna para orientação dos eleitores.

2.4 Da propaganda eleitoral – Da data de inscrição até a data da eleição, cada chapa, se o desejar, poderá fazer a sua propaganda eleitoral às próprias expensas, no ambiente de trabalho sem prejudicar o bom andamento dos serviços.

3 – COMISSÃO ELEITORAL

A Comissão Eleitoral será composta no Rio por (um) presidente e 01 (um) mesário e em Angra por 01 (um) presidente e 02 (dois) mesários, responsáveis pelo acompanhamento, controle e apuração do pleito. Ambas as comissões serão formadas por empregados da ETN, indicados e liberados pela ASEN e STIEPAR.

Associação dos Empregados da Eletronuclear

VEJA AQUI em PDF

A Eletrobras apresentou as demonstrações financeiras relativas a 2011.

INFORMATIVO ASEN

Balanço 2011

A Eletrobras apresentou as demonstrações financeiras relativas a 2011, quando o lucro subiu 66% frente a 2010 e chegou a R$3,7 bilhões. O resultado foi puxado pelas subsidiárias que atuam em geração e transmissão de energia, que somaram lucros de R$2,3 bilhões. Os ganhos foram liderados por Chesf, com R$1,5 bilhão (menor que 2010 que foi de R$2,1 Bilhões), Eletronuclear, com o segundo maior lucro, (de R$307 milhões), revertendo o prejuízo de R$119 milhões que havia registrado no ano anterior, Furnas, com R$260 milhões, teve retração frente aos R$636 milhões auferidos em 2010. Em seguida aparecem Eletrosul, com lucro de R$105 milhões, Eletronorte, com R$58 milhões e CGTEE, com R$17 milhões.

Diante deste panorama a ASEN conclama todos os empregados a comparecerem as Assembleias que deliberam sobre PLR.

   A Diretoria

  Associação dos Empregados da Eletronuclear
ASEN nossa luta, sua conquista!

EDITAIS.

A diretoria executiva da asen, informa e convoca todos os associados, para participarem da assembleia geral ordinária, a qual realizar-se-á no dia 02 de agosto de 2012, às 13h em primeira convocação e às 13:30h em segunda e última convocação, na sede da asen, situada na cidade do rio de janeiro/rj; e no dia 03 de agosto de 2012, às 13:30h em primeira convocação e às 14h em segunda e última convocação, no auditório da SI.A, nas dependências da Eletronuclear, situada na cidade de Angra dos Reis/RJ, para discutir e deliberar sobre o seguinte tema: 
a)  inclusão de um termo aditivo ao estatuto. Obs. devido a paralização apartir do dia 16 de julho a assembléia foi remarcada para as datas acima citada. 

VEJA AQUI em PDF
>

INFORMAMOS QUE EM VIRTUDE DA GREVE NACIONAL A CONVOCAÇÃO PARA A ASSEMBLÉIA DA ASEN SERÁ ADIADA. TÃO LOGO RETORNEMOS DA GREVE INFORMAREMOS A NOVA DATA PARA A ASSEMBLÉIA DE APROVAÇÃO DA REFORMA DO ESTATUTO. 

VEJA AQUI em PDF

A Diretoria Executiva da Associação dos Empregados da  Eletronuclear - ASEN, no uso de suas atribuições estatutárias, vem convocar todos os trabalhadores ... para comparecerem à Assembléia Geral Ordinária a se realizar    no dia 17/07/2012, na cidade do Rio de Janeiro, a instalar-se às 13h30 

VEJA AQUI em PDF

Ficam convocados, pelo edital em anexo, publicados pelo Jornal A CIDADE em Angra dos Reis e pelo Jornal POVO na cidade do Rio de Janeiro, do dia 30 de março, para comparecerem à Assembleia Geral Ordinária e Extraordinária a se realizar amanhã, dia 12/04/2012, às 13:00h, no Auditório da Sede da ELETRONUCLEAR e no dia 13/04/2012, às 14:00h no Refeitório – ALA C de Itaorna em Angra dos Reis. 

VEJA AQUI em PDF

Recebemos em nossas unidades o Sr. Mário Jorge de Lima Soares, Diretor de Benefícios do Nucleos.

 Atendendo ao nosso convite, no dia 08 e 19 de março recebemos em nossas unidades de Angra dos Reis e Rio de Janeiro respectivamente, o Sr. Mário Jorge de Lima Soares, Diretor de Benefícios do Nucleos.    
Durante a palestra, que contou com a presença de aproximadamente 90 participantes do NUCLEOS, foram abordados diversos assuntos, tais como:

• Revisão do Regulamento do Plano Básico de Benefícios – PBB - Sobre este tema o Sr. Mário Jorge discorreu e exibiu um quadro comparativo no qual constava a redação anterior e a atual, contendo a justificativa básica da mudança. Ali tivemos a oportunidade de constatar que as alterações foram feitas, na sua maioria, para se adequar à legislação do segmento de Previdência Complementar Fechada (Resoluções CGPC nº 6; 8 e 26; Lei Complementar 109/2001 e Instrução Normativa SPC nº 26), além da atualização de termos padronizados, adotando para tanto o “Dicionário de Termos Técnicos da Previdência Complementar Fechada”, divulgado pela ABRAPP – Associação Brasileira das Entidades de Previdência Privada.

• Nova taxa do Plano de Custeio do PBB, que será praticada a partir do mês de competência de abril de 2012 – O Sr. Mário Jorge explicou que o patrimônio do Nucleos, que é investido, tem uma rentabilidade mínima a ser auferida, sendo fixado para o ano de 2011 o percentual mínimo de 12,44%, correspondente ao mínimo atuarial. O Nucleos obteve 13,42% de rendimentos. Por outro lado, existem as obrigações do Nucleos, que correspondem a valores das aposentadorias e pensões que o Instituto tem que pagar.  Foram explicados os vários aspectos que envolvem um plano de custeio, como por exemplo: a) Tábua Biométrica, também chamada de Tábua de Mortalidade que, na realidade é um estudo que determina a expectativa de vida das pessoas nas mais variadas fases da vida.   Isso reflete no patrimônio do Nucleos, uma vez que terá de pagar benefícios por um período cada vez maior, já que as pessoas estão vivendo por mais tempo, sem terem efetuado, no entanto, contribuição para tal.   Outro aspecto de suma importância é o crescimento real dos salários, pois o participante vem contribuindo para um nível salarial, antes que se aposente, tem seu salário reajustado em níveis superiores ao previsto.  A consequência deste fato é que o Nucleos passará a pagar uma aposentadoria de valor superior àquela para a qual o participante e empresa contribuíram. É fácil, então, constatar que estas duas variáveis são as principais causas de o Nucleos ter maior necessidade de recursos.  Assim, considerando que as obrigações ficaram acima dos rendimentos obtidos, houve um desequilíbrio e, conforme previsto na legislação, os valores necessários ao retorno do equilíbrio do plano devem ser arrecadados dos participantes e patrocinadoras, de forma paritária.

  O Diretor Mário Jorge informou, ainda, que no dia 02 de março encaminhou para o e-mail de todos os participantes cadastrados o Informativo Nuclin Express nº 28, o qual aborda este assunto de forma bastante didática. Tal informativo também está à disposição de todos no site do Nucleos.
Embora o remédio seja amargo, todos entenderam que a adoção de tal medida é necessária para manutenção do equilíbrio do Plano Básico de Benefícios.

   A Diretoria

  Associação dos Empregados da Eletronuclear
ASEN nossa luta, sua conquista!

Palestra do Sr. Mario Jorge, no dia 10 de maio (quinta- feira).

A ASEN convida os senhores empregados participantes do Nucleos para a palestra do Sr. Mario Jorge, no dia 10 de maio (quinta- feira), às 10h, no auditório, na sede da Eletreonuclear, visando esclarecimentos sobre as alterações no Plano Básico de Beneficios do Nucleos (PBB) e sobre o Plano de Custeio do Nucleos exercício 2012.

Diretoria Executiva e Colegiada da ASEN o apoio ao candidato a reeleição Sr. Mário Jorge.

ASEN INFORMA, NÃO SE ESQUEÇA, MÁRIO JORGE NA CABEÇA. Em reunião realizada no dia 18  de abril, foi aprovado pela Diretoria Executiva e Colegiada da ASEN o apoio ao candidato a reeleição Sr. Mário Jorge para o cargo de Diretor de Benefícios do NUCLEOS.Caso não tenha recebido a sua senha, entre no site do NUCLEOS na área restrita para obter a mesma. NA DEFESA DOS NOSSOS PARTICIPANTES, VOTE NA REELEIÇÃO NO DIRETOR DE BENEFÍCIOS MÁRIO JORGE

ASEN – PORQUE O APOIO AO CANDIDATO MÁRIO JORGE

Cabe a entidade do trabalhador, defender e encaminhar, o que sua Diretoria Executiva e seu Colegiado, todos eleitos pelos associados, entendem como melhor, esta tomada de opiniões, não se baseia em política nem preferências pessoais, mas, unicamente em um arrazoado de fatos e motivos passados e em expectativas para um futuro a médio e longo prazo.
-As decisões tomadas pelo NUCLEOS, são deliberadas pela sua Diretoria, não se tratando de decisão exclusiva do Diretor de benefícios, este representa 1 voto, em um universo de 3 votos possíveis.

-Os aumento impostos ao trabalhador do NUCLEOS, deveram-se parte ao prejuízo da gestão anterior, parte a queda de juros do mercado , assim como outros fatores atuarias, casamentos com grande diferença de idade, vida mais longa , promoções muito acima das taxas de juros e aumentos substancias de rendimentos nos últimos anos de trabalho anteriores a aposentadoria graças a horas extras substanciais.

-Em qualquer fundação, o cálculo da mensalidade é dado em cima do rendimento (valor bruto), o que próximo a "paradas" cresce bastante.

-A FRG desconta 6% ao mês dos seus segurados e o NUCLEOS, 3,72% . Não fossem os reajustes em questão, estaríamos fadados a ver o Fundo impossibilitado de arcar com parte das aposentadorias já existentes e muito menos propiciar as vindouras. Qualquer candidato que se anuncie como contrário, ou seria um desastre por ignorar o problema ou estaria faltando com a verdade.

-Mesmo não sendo funcionário da ETN, o então Diretor Mário Jorge, sempre atendeu Sindicatos e Associações de forma imediata e transparente, devendo se frizar que o seu domínio técnico sobre Benefícios é praticamente absoluto.

-O então Diretor Mário Jorge, promoveu a convite do Sindicato de Angra, da ASEN e do trabalhador, 5 palestras sobre o reajuste, como sempre foi largamente veiculado pelas entidades, mas o comparecimento não foi maciço, houve o sentimento de que o trabalhador foi esclarecido.

-Todos os candidatos que procuraram as entidades, foram recebidos de forma equânime e tiveram as mesmas oportunidades.

-Não é relevante se um ou outro Diretor é NUCLEOS ou FRG, neste momento profissional, o importante é o trabalhador.

-Não parece ético que determinada Diretoria se deixe envolver nesta eleição pela participação de "cabos eleitorais" que representam em primeira instância a ETN e sua respectiva Divisão, isto sim, causa mal estar no trabalhador que, repentinamente vê um candidato utilizando uma Divisão da ETN como "trampolim', se utilizando de inverdades e prometendo o que matematicamente é impossível.

Esperamos ter esclarecido melhor o nosso apoio ao candidato.

A Diretoria

Na 4ª rodada de negociação com a Eletrobrás, o governo não aceitou a proposta.

Na 4ª rodada de negociação com a Eletrobrás, o governo não aceitou a proposta de índice apresentado pelos sindicatos e nem contrapôs um índice que corresponda dignamente às expectativas de nossa categoria. Motivo pelo qual a categoria aprovou em assembléia uma greve por tempo indeterminado, a partir de 00:00h (zero hora), do dia 17/07/2012 (Angra) e 16/07/2012 (Rio).

Estamos juntos com os sindicatos nessa greve e convidamos os trabalhadores para fortalecerem os grupos de apoio nessa paralisação.

ASSOCIAÇÃO DOS EMPREGADOS DA ELETRONUCLEAR – ASEN
NOSSA LUTA, SUA CONQUISTA!

A ASEN PRORROGA A ENTREGA DOS DOCUMENTOS.

TENDO EM VISTA A GRANDE PROCURA, A ASEN PRORROGA A ENTREGA DOS DOCUMENTOS PARA O DIA 21 DE MAIO DE 2013.

A ASEN, pelo presente convoca a todos os empregados da Eletronuclear interessados em buscar, através da justiça, neutralizar a medida adotada pela empresa, medida essa que causou considerável redução salarial e grande prejuízo aos trabalhadores.
A ASEN a fim de resgatar esse direito adquirido a duras penas, disponibiliza aos seus associados sua área jurídica para formulação e inclusão em processo judicial.
Lembra ainda que um movimento mais consistente tem maior peso que amparado por poucos.

Documentos necessários:
Identidade;
CPF;
Contracheque de dezembro 2012 a abril de 2013;
Preencher da Autorização.

Prazo até o dia 17/05/2013.
Ramais 8437 ou 8499
Associação dos Empregados da Eletronuclear

ASSOCIE-SE JÁ!!!

Diretoria Colegiada

Eleições para a Fundação Real Grandeza.

Eleições para a Fundação Real Grandeza

No próximo mês serão realizadas as eleições para o Conselho Deliberativo, Diretoria de Seguridade e Ouvidoria da FRG.

Infelizmente inúmeros empregados da Eletronuclear estão com seus endereços desatualizados no cadastro da Fundação Real Grandeza. Desse modo terão dificuldades para votarem na ocasião das eleições, já que as cédulas serão entregues pelo correio, nos endereços de correspondências cadastrados.

Tendo em vista a importância das eleições, já que está em jogo nosso dinheiro investido no fundo de pensão e PLAMES, recomendamos que verifiquem junto a FRG como seus endereços estão cadastrados, de modo a não perderem a oportunidade participar no processo eleitoral.

Também aproveitamos a oportunidade de manifestar nosso irrestrito apoio a Chapa 34, composta pelos colegas Patricia Melo e Souza (Furnas) e Luiz Antonio de Andrade Biancovilli (Eletronuclear), na certeza ser a melhor candidatura para defender nossos interesses, tanto no Conselho Deliberativo da FRG, quanto na defesa do nosso PLAMES, que é administrado pela Fundação Real Grandeza.

As diversas atuações do Biancovilli em entidades de representação dos empregados, bem como no Conselho Deliberativo da CAEFE, o credenciam pela sua experiência, dedicação e comprometimento, nos representar com dignidade e zelar pelo patrimônio da FRG.
Confira seu endereço cadastrado na FRG! Vote consciente!
Chapa 34 para o Conselho Deliberativo!
(24) 3362-8437/ 8499/ 8409
www.asen.org.br
[email protected]
Associação dos Empregados da Eletronuclear

Eleições para a Fundação Real Grandeza - Parte 2



Companheiros e Companheiras.

Os participantes começaram a receber seus envelopes da FRG contendo as cédulas eleitorais, com os respectivos envelopes (01 do correio e outro para a cédula). Portanto quem não receber o KIT votação até o final dessa semana deve imediatamente entrar em contato com a FRG, de modo a reclamar quanto ao envio.

Tendo em vista a importância das eleições, já que está em jogo nosso dinheiro investido no fundo de pensão e PLAMES, recomendamos que votem em apenas UMA CHAPA, a despeito do livre exercício do eleitor votar em até duas CHAPAS. O motivo é bem simples! Provavelmente essa será a última eleição, caso mantido o modelo atual, em que será possível alavancarmos uma candidatura da ELETRONUCLEAR junto a FRG, pois com as demissões incentivadas provavelmente cairemos de 720 eleitores para algo em torno de 200 ou 300 eleitores.

Votar em duas chapas significa dar apoio a uma dupla que provavelmente não retribuirá esse apoio a dupla que apoiamos na ETN.

Assim conclamamos a de forma organizada concentrarmos nossos votos na CHAPA 34, composta pelos colegas Patrícia Melo e Souza (Furnas) e Luiz Antonio de Andrade Biancovilli (Eletronuclear), na certeza ser não somente a melhor candidatura para defender nossos interesses, tanto no Conselho Deliberativo da FRG, quanto na defesa do nosso PLAMES, que é administrado pela Fundação Real Grandeza.

As diversas atuações do Biancovilli em entidades de representação dos empregados, bem como no Conselho Deliberativo da CAEFE, o credenciam pela sua experiência, dedicação e comprometimento, nos representar com dignidade e zelar pelo patrimônio da FRG.
Vote consciente!
Chapa 34 para o Conselho Deliberativo!
(24) 3362-8437/ 8499/ 8409
www.asen.org.br
[email protected]
Associação dos Empregados da Eletronuclear

 

Eleições para a Fundação Real Grandeza parte 3

Companheiros e Companheiras,

Os participantes receberam seus envelopes da FRG contendo as cédulas eleitorais, com os respectivos envelopes (um do correio e outro para a cédula). Portanto quem não recebeu o KIT votação deve imediatamente entrar em contato com a FRG, de modo a reclamar quanto ao envio ([email protected] e [email protected]).

Houve uma grande mobilização na Eletronuclear pela participação nas eleições, com manifestações junto a FRG, reclamando da decisão da Comissão Eleitoral em colocar as urnas somente em 17 e 18 de setembro. Tais manifestações resultaram em uma decisão inédita daquela comissão em antecipar a colocação de uma urna em Angra dos Reis a partir de hoje. Esta sendo avaliado como atender a sede no RJ.

Tendo em vista a importância das eleições, já que está em jogo nosso dinheiro investido no fundo depensão e PLAMES, recomendamos mais uma vez que votem em apenas UMA CHAPA, a despeito do livre exercíciodo eleitor votar em até duas CHAPAS. O motivo é bem simples! Provavelmente essa será a últimaeleição, caso mantido o modelo atual, em que será possível alavancarmos uma candidatura daELETRONUCLEAR junto a FRG, pois com as demissões incentivadas provavelmente cairemos de 720eleitores para algo em torno de 200 ou 300 eleitores.

Votar em duas chapas significa dar apoio a uma dupla que provavelmente não retribuirá esse apoio a dupla que apoiamos na ETN.

Assim conclamamos a de forma organizada concentrar nossos votos na CHAPA 34, composta pelos colegas Patrícia Melo e Souza (Furnas) e Luiz Antonio de Andrade Biancovilli (Eletronuclear), na certeza ser não somente a melhor candidatura para defender nossos interesses, tanto no Conselho Deliberativo da FRG, quanto na defesa do nosso PLAMES, que é administrado pela Fundação Real Grandeza.

As diversas atuações do Biancovilli em entidades de representação dos empregados, bem como no Conselho Deliberativo da CAEFE, o credenciam pela sua experiência, dedicação e comprometimento, nos representar com dignidade e zelar pelo patrimônio da FRG.

 Vote consciente! 
Chapa 34 para o Conselho Deliberativo!

 

(24) 3362-8437/ 8499/ 8409 
www.asen.org.br
[email protected]

PARTICIPAÇÕES E CONQUISTAS DOS EMPREGADO.

Caros (as) companheiros e companheiras,
Antigamente não tínhamos oportunidade de participar na condução dos nossos fundos de pensões, pois não tínhamos assento no Conselho Deliberativo, Conselho Fiscal e Diretoria. Naquela ocasião não tínhamos uma entidade associativa de representação dos empregados e muito menos existiam sindicatos. Vivíamos em pleno regime militar!

Era uma época em que as vozes silenciavam-se ou não eram ouvidas...

Quando começaram os movimentos sindicais as reuniões eram escondidas, pois estávamos ainda em um regime militar, com apenas dois partidos políticos reconhecidos.

Lutamos muito nos movimentos sindicais para conseguir mudanças que hoje é vista com naturalidade, mas para chegarmos a isso, que para alguns pode ser pouco, perdemos vários companheiros que foram demitidos e não retornaram ao nosso convívio. Outros se foram naturalmente pelo tempo, após anos de luta e dedicação!

Assim faz muito mal ao ver a pouca participação dos empregados e ex-empregados, nos últimos históricos de votação junto a FRG e NUCLEOS. Entendemos ser um
desrespeito com todos os que, de uma maneira ou de outra, contribuíram para que alcançássemos essa oportunidade de escolher os nossos representantes.

Por isso pedimos que envidem todos os esforços em não deixar de votar nos candidatos que escolherem. É fundamental que escolham seus candidatos e confiem em suas intenções, mediante o histórico de cada um. Por esse direito muitos lutaram por você!

CONTAMOS COM A REFLEXÃO DOS PARTICIPANTES NESSE IMPORTANTE MOMENTO. VAMOS MUDAR ESSE CENÁRIO E MUDAR NOSSA PARTICIPAÇÃO NO PROCESSO!

Associação dos Empregados da Eletronuclear
Diretoria Colegiada

Publicação do Edital de convocação AG.O - Jornal Povo - RJ e Jornal A Cidade 
em Angra dos Reis

CRONOGRAMA ELEIÇÃO DIRETORIA ASEN - BIÊNIO 2013/2015
Publicação do Edital de convocação AG.O - Jornal Povo - RJ e Jornal A Cidade 
em Angra dos Reis
23 e 25/10/2013
AG.O Para aprovação do Regimento Eleitoral e Calendário da Eleição 06/11/2013- Rio
07/11/2013 - Angra
Inscrição de Chapas 11 e 12/11/2013
Divulgação das Chapas por e-mail e quadro de aviso. 13/11/2013
Impugnação 14/11/2013
Eleição 19/11/2013
Apuração 19/11/2013
Impugnação 21/11/2013
Divulgação dos Resultados 22/11/2013
Posse da Diretoria e Aprovação das Contas 11/12/2013
VEJA AQUI em PDF
Image Image

MENSAGEM AOS TRABALHADORES DA ELETRONUCLEAR.

Image

Reclamação concernente à FEAM - Relatos verídicos

MENSAGEM AOS TRABALHADORES DA ELETRONUCLEAR

Em 10 de dezembro de 2013 a Diretoria Colegiada e o Conselho Fiscal tomaram posse na ASEN para exercer seus mandatos para o biênio 2013/15. A situação encontrada não é das melhores.
Caixa negativo em quase dez mil reais, antecipação de receitas, escritório no Rio de Janeiro fechado, um único funcionário na subsede Angra dos Reis, quadro de associados e arrecadação em declínio.
Nosso compromisso, assumido em campanha, mais que nunca precisa ser reafirmado: “O resgate da credibilidade e respeito que a ASEN sempre usufruiu perante o quadro funcional da Eletronuclear” .
O panorama político também não é dos mais favoráveis às empresas e aos empregados do setor elétrico. Com a MP579/12, posteriormente Lei 12.783/13, as empresas do setor sofreram forte queda em seu faturamento e perdas significativas em seus balanços por conta das baixas indenizações recebidas.
As consequências são cada vez mais evidentes, principalmente para os trabalhadores. É hora de todas as entidades representativas estreitarem suas relações, com posicionamento firme e unitário para fazer frente a essas dificuldades, inesperadas num governo com origem no movimento sindical.
O país patina com baixas taxas de crescimento, a inflação ameaça retomar um caminho de crescimento e as empresas estatais, antes sustentáculos do desenvolvimento nacional, agora são usadas para controle da inflação, tudo isso combinado a juros altos e baixos investimentos. Uma verdadeira festa para banqueiros e especuladores.
Nosso objetivo só será alcançado se tivermos ao nosso lado os trabalhadores da Eletronuclear. Precisamos aumentar o quadro de associados, dialogar com mais constância para enfrentar o quadro geral e os desafios específicos da nossa empresa.
O PDI bate à porta, ainda obscuro em suas regras, liberando quadros capacitados. Teremos a reposição desses quadros? Teremos o avanço das terceirizações? Teremos a aplicação desenfreada de contratações baseadas na discutível utilização do art. 37 da CF88? Após Angra 3 que perspectivas existem para a Eletronuclear?
Companheiros, não podemos deixar sem respostas essas e tantas outras perguntas. A ASEN é a entidade que pode aglutinar todas as nossas representações num movimento único e fortalecido.
Ajude a ASEN a cumprir seu papel.
Diretoria colegiada,

A ASEN SOMOS NÓS, NOSSA FORÇA É NOSSA VOZ.

DEPOIMENTO: Prezados amigos e colegas do "Maurão"... um triste relato, 31 de outubro.

Prezados amigos e colegas do "Maurão",

Venho aqui fazer um triste relato sobre o que vivemos desde o dia 31 de outubro, quinta-feira à noite, quando eu retornava do supermercado para a minha casa no Rio de Janeiro e recebi um telefonema de Angra, do colega Andre Kitaoka me informando que Mauro sentiu-se mal em sua mesa de trabalho, na GIE.T, A3, Eletronuclear e não teve condições de caminhar sentindo fortes dores na perna direita, sendo conduzido por ele e outros colegas para o Hospital de Praia Brava (HPB).

No momento em que o Andre me telefonou e relatou a intensidade da dor, desesperadora, eu pedi ao Andre que falasse ao médico plantonista que investigasse uma possível trombose. André me informou que ele mesmo, o Mauro, sugeriu este diagnóstico ao médico, que ignorou e o atendeu com medicamentos para lombalgia.

As dores que Mauro sentia eram tão intensas que ele chegou ensopar suas roupas de suor, o que constatei ao chegar no Hospital de Praia Brava aproximadamente 3 horas e meia depois de receber o chamado. Mauro estava então com menos dores, mas ainda reclamando de dormência no membro. A medicação prescrita não tirou totalmente suas dores e algumas horas depois elas retornaram intensamente. E assim foi sendo medicado, para alívio da dor por toda a madrugada. Na manhã de sexta-feira, dia 01 de novembro, pedi ao enfermeiro plantonista que definissem um diagnóstico, pois não era possível que o mantivessem internado em um quarto apenas medicando para dor sem investigação da causa. O enfermeiro foi bastante atencioso, chamou médicos que passaram pelo quarto, mas o ortopedista sugeria pinçamento do nervo ciático por provável hérnia de disco. 

E assim passou a manhã, sendo medicado para a dor enquanto eu ansiosa e insistentemente pedia que fizessem exames para concluir o diagnóstico e remove-lo para um hospital do Rio de Janeiro. Me respondiam apenas que tinham que estabilizar a dor para depois investigar. Que o Hospital de Praia Brava não possuía aparelho para realizar ressonância magnética da coluna, teriam que leva-lo de ambulância a Angra. Durante a noite eu já havia constatado que a temperatura da perna direita estava mais baixa que a da outra perna.

Por volta do meio dia saímos na ambulância para realizar a ressonância de coluna. Ao concluir a ressonância na SICOM encontrei o Dr. Júlio (radiologista, diagnóstico por imagem) e informei que estava com meu marido ali e não estava satisfeita com o diagnóstico de hérnia de disco e pinçamento de nervo, pois estava com dores intensas, membro dormente e frio. Solicitei que olhasse o exame e me dissesse algo, pois confio na sua experiência e estava com sérias dúvidas se ele não havia feito uma trombose. Dr. Júlio me pediu alguns minutos para olhar a RM e retornou me dizendo que realmente, ele tinha pequenas hérnias, alguns desgastes, mas nada que pudesse causar dor tão intensa e me aconselhou a confiar na minha intuição e conversar com os médicos no HPB.

Chegando ao HPB solicitei a equipe de enfermagem novamente que chamassem a equipe médica para verificar a temperatura da sua perna, a avaliação por um cirurgião vascular e que tomassem as providências necessárias com urgência, pois já perdíamos muito tempo! Apareceu no quarto um médico grisalho que apenas tentou acalma-lo, um anestesista para informar que ele não podia ter tanta dor pois já estava medicado com os analgésicos mais potentes possíveis e um cirurgião geral, que inclusive não registrou sua visita no prontuário. 

Neste momento eu estava no telefone com o Dr. Daniel de Moraes Alves Lima, filho do Mauro, médico, que por telefone me pedia para descrever tudo e dizia onde eu devia examina-lo para que ele pudesse diagnosticar. Prezados: por telefone!!! Vejam que absurdo! Informei que o cirurgião geral havia entrado no quarto e pedi ao cirurgião que falasse com o Daniel, dizendo-lhe que este é médico e poderiam falar tecnicamente, o cirurgião simplesmente disse que o caso era pra cirurgião vascular, e este especialista só teria disponível na 3ª feira, dia 5 (quando Mauro já estava morto), e deu as costas, saiu do quarto
e não falou com Daniel ao telefone. As providências tomadas foram enrolar a perna do Mauro com ataduras para tentar aquecê-la!

Eu e Daniel continuamos o exame e ele concluiu que o pai estava com trombose e precisava ser removido com máxima urgência para o Rio de Janeiro. Isso já era 19h. Aí esbarramos na
burocracia do HPB, pois segundo médicos e enfermeiros tinha que ser feita a remoção em horário de rotina, e o responsável, que poderia tomar a decisão, não tinha ido trabalhar naquele dia, e não havia substituto! Daniel exigiu a remoção do pai, sob sua responsabilidade, com seu CRM, com ambulância sem médico mesmo. 

Pois algo tinha de ser feito. E não esqueçam: A Eletronuclear possui helicóptero!
Somente à meia noite de sexta para sábado, 28h depois de Mauro dar entrada no HPB conseguimos sair com a ambulância para o Norte Dor, pois até a vaga em CTI foi o Daniel que precisou correr para arranjar. Chegamos no Hospital Norte Dor as 3h15min do dia 2 de novembro, sábado. Os médicos começaram os exames e verificaram que havia dois trombos arteriais, um na virilha e outro na perna atrás do joelho, e que a sua perna toda estava sem circulação (isqêmica) há mais de 30 horas. Foi realizada tentativa de desobstrução por
cateter com êxito na virilha, na perna precisou ser aberta. No entanto, o tempo demasiado da perna isquêmica causou necrose de músculos e após a desobstrução foram jogadas de volta no sistema muitas toxinas, o que agrediu seu rim fazendo com que parasse de funcionar.

Tentou-se diálise, mas não foi o suficiente. No dia 3, domingo teve uma parada cardíaca e foi reanimado, passou por mais um procedimento no coração, mas este já estava bastante fraco.
Sugeriu-se a amputação total da perna direita, decisão que eu deveria tomar, mas não houve tempo para a decisão, Mauro teve outra parada na madrugada do dia 4, segunda feira, e foi a óbito.
Registro aqui a minha dor, pois perdi o meu marido, meu companheiro, o meu melhor amigo para quem dediquei todo o meu amor. Perdemos um pai de família, um profissional e sei que para a maioria, um grande colega, o Maurão, como todos o chamavam. E registro a nossa indignação e revolta pelo descaso, incompetência, imperícia, imprudência, omissão,desumanidade dos profissionais médicos do Hospital de Praia Brava. Registro o meu repúdio a FEAM que recebe repasse considerável da Eletronuclear para manter o Hospital de Praia Brava em excelentes condições de atendimento em equipamentos e recursos humanos e não cumpre a sua função com o mínimo de responsabilidade.

Sempre ouvimos falar de casos de péssimo atendimento e erros médicos neste hospital e nunca imaginamos que passaríamos por isto em nossa família novamente, pois o próprio Daniel já foi vitima de um ortopedista mau profissional no HPB e teve que passar por 4 outras novas cirurgias.

Peço a Eletronuclear que reveja a sua postura e fiscalize, cobre dessas instituições um atendimento digno e adequado para a população e funcionários das usinas, que só contam com este atendimento hospitalar na região e nessas precárias e absurdas condições. E que apure os fatos, identifique, responsabilize os responsáveis e tome as medidas necessárias.
Atenciosamente,
Gislaine Brum Martinez Alves Lima

A ASEN SOMOS NÓS, NOSSA FORÇA É NOSSA VOZ.